Bem-vindo ao site da Associação Buckfast® Portugal, fundado a 17 de Abril de 2012

Acasalamento Dirigido "tempo de voo controlado"


A 21 de fevereiro de 2015, os buckfasteres e a ProApis como com outros colaboradores, realizaram no Solar do Alvarinho uma palestra sobre Acasalamento Dirigido.

Sistema que impede os zangãos de voar, sendo liberados para o efeito, também como preparar as caixas com rainhas virgens para serem liberadas ao acasalamento.

Desta forma obtêm-se um bom pedigree.

O orador convidado Sr. Gilbert Bast do Buckbast apresentou uma palestra sobre a Mondscheinbegattung. Que é uma possibilidade de acasalamento seguro para os apicultores que não tem estação de acasalamento.

O sistema exige alguma preparação, mas os resultados são bons muito bons.


Posto link de alguns criadores…


Gilbert Bast


Esther Woll


Karl Decker


Thomas Kodym


Marc Missotten


Todos com abelhas Buckfast.


Apesar de 2014 não ter sido um ano muito fácil, condições climatéricas pobres, restringindo-nos os nossos objectivos, etc. Esperançosos, recebemos o ano 2015 que chega cheio de expectativas para os novos desafios.


Acasalamento Dirigido "tempo de voo controlado"

"Mondscheinbegattung"

"Mating meeting the moonlight"


Gilbert Bast é um dos criadores Buckfast bem conhecido na Europa. Palestrou sobre a nova versão de Buckbast da chamada "mating luar", praticado antes por Joe Horner, um criador de abelhas comercial, New South Wales, Austrália.
O nosso orador convidado começou a usar esse método, há sete anos em seus apiários de acasalamento e com êxito modificou o método de Joe Horner nos últimos quatro anos, mantendo o princípio subjacente de CFTM = ' Acasalamento com Tempo de voo controlado ' (Acasalamento Dirigido). O processo original é extremamente moroso e dispendioso.
O mesmo pode agora ser conseguido com muito menos esforço. O edifício de temperatura e armazenamento, com um interior específico que tinha sido um componente essencial já não é necessário.


O método é particularmente adequado para os apicultores / criadores, que têm de ser conhecedores de zangões de outras raças presentes em sua área de acasalamento.
O acasalamento controlado pode ser manejado no seu próprio apiário (não precisa ter acesso a uma área isolada ou mesmo uma ilha) usando o equipamento certo e o procedimento adequado. Também não é necessário manter um grande número de colónias, a fim de invadir a área com zangões.



Muito obrigado a todos por terem tornado possível esta importante especialização apícola sobre acasalamento dirigido.


Aqui fica o nosso agradecimento a todos os patrocinadores e aos apicultores (criadores) que puderam marcar presença no evento que organizámos no passado, dia 21 de Fevereiro, sem esquecer o nosso tradutor que foi de enorme importância.


Foi, de facto, com enorme orgulho e prazer que pudemos contar com a vossa presença. Agradecemos também ao Município de Melgaço por nos terem brindado com os excelentes sabores da nossa terra.


Tivemos o merecido jantar, no qual gostaria de assinalar o saudável convívio proporcionado por todos. Na nossa opinião, superou as expectativas!


Queremos, também, agradecer, a todos aqueles que, por um motivo ou por outro, infelizmente não puderam comparecer no dia da palestra.


Buckfast ... uma maneira diferente de lidar com apicultura, estaremos sempre de portas abertas. Obrigado.


(PG)

Sem comentários:

Enviar um comentário